“A fraude científica virou a prática geral”

Transcrição: Rodrigo Fialho

Em seu programa semanal True Outspeak, Olavo de Carvalho comenta sobre a fraude científica e diz que “não há efetivamente nenhuma prova da teoria da evolução”

Ouça o programa: http://www.blogtalkradio.com/olavo/2010/04/05/true-outspeak

Esse negócio de fraude científica não se limita ao aquecimento global, tem esse negócio aí da vacina (Olavo se refere à vacina contra o H1N1), uma vacina contra uma gripe inexistente que pode causar uma gripe existente e letal. Isso aí envolve milhares de cientistas no mundo inteiro. A fraude científica virou a prática geral. Por exemplo, esse negócio de evolução é uma coisa que parece confusa em si mesma, porém, saiu um livro de um cirurgião indiano, que é membro do (Olavo falou em inglês porque o instituto é inglês, porém não dá para ouvir direito) que publicou um livro chamado “Uma manchinha ao homem”, o livro tem umas coisas, que eu digo epa, agora complicou, o que ele mostra é que não há efetivamente nenhuma prova da Teoria da Evolução, não há e não pode haver.

Logo no começo do livro ele diz o seguinte: “muitas escalas temporais nas quais se baseiam para montar supostas cadeias evolutivas, onde mostram espécies evoluindo ao longo do tempo são baseadas nas camadas geológicas nas quais ele encontra os fósseis, então, acredita-se que um osso para fossilizar leva milhões de anos”. Acontece que ele faz uma observação que me deixou atônito, ele diz: “nós temos fósseis de animais surpreendidos no momento em que eles estavam mordendo outros, no momento em que estavam lutando (aparece a foto de dois esqueletos, um lutando com o outro), fóssil comendo e fóssil cagando, de merda fóssil, saindo do orifício anal do referido, então ele diz: “ora, para isso virar fóssil, só é possível se a transformação em fóssil fosse muito rápida ou quase imediata, porque o bicho foi surpreendido naquele ato, paralisado naquele ato e fossilizado, se o processo de fossilização fosse milenar, os depósitos que fossem caídos ali em cima seriam erodidos e não haveria depósito algum e não haveria o presente fóssil”. Para completar esse negócio, ele mostra que já descobriram fóssil de até mil anos de idade, então, meu filho, isso significa que todas essas escalas de tempo não significam nada. Ta lá um bicho fossilizado não quer dizer que ele está lá a milhões de anos, ele pode estar lá há mil anos, há dois mil anos. Portando, nós não temos a menor idéia de quais bichos existiam ao mesmo tampo que outros bichos, e daí o Doutor (indiano) enuncia uma lei, que eu a considero inteiramente válida: “qualquer animal pode ter existido muito tempo antes e muito tempo depois do mais novo e do mais velho fóssil encontrado”. Resultado, nós não sabemos em que época viveram esses animais. Se é assim, não tem jeito de você fazer essa escala. Daí ele diz, por exemplo, tem um ser chamado celacanto, esse celacanto tem umas perninhas, e todo o pessoal evolucionista diz que o celacanto é já como um pré-anfíbio, já está saindo da água para ir para a praia, só que ele diz que jamais se encontrou um esqueleto de celacanto em água rasa, todos em águas profundas, pior, parece que na Ilha de Java, não lembro bem qual é a ilha, mas parece que é a Ilha de Java, os camaradas vivem pescando celacantos vivos, você pode comer um filé de celacanto hoje, também tem outros  animais que o processo de datação que eles usam existe há trezentos milhões de anos e os animais estão iguaiszinhos até agora, os crocodilos, as baratas e os morcegos jamais evoluíram. O livro são seiscentas páginas de fatos, cada um mais convincente que o outro. Então, eu cheguei à conclusão de que com os recursos que as pessoas têm até agora é impossível prová-la.

Teve um caso de um ortodontista, Dr. Jack, que examinou os esqueletos do chamado homem de neandertal e chegou á conclusão de que muitos daqueles esqueletos tinham sido maquiados, tinham sido alterados, a arcada dentária tinha sido alterada, a mandíbula tinha sido alterada para dar feições cinescas a seres que, segundo o Dr. Jack, eram perfeitamente humanos como nós, idênticos a nós e talvez até mais inteligente do que muita gente, mais inteligente do que o Lula, por exemplo, não digo o Lula, mas mais inteligente que o doutor Emir Sader. Então o Dr. Jack começou a ser seguido por pessoas misteriosas, tinha agente secreto seguindo o cara. Ele teve um debate com um evolucionista na universidade, ferrou com o evolucionista e o cara (o ferrado) proibiu a divulgação do debate e até agora está rolando um processo para ver se divulga. É esse o recurso que essa gente usa e isso é uma fraude científica.                        

Anúncios

Uma resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: